Estudo aponta que fotos em preto e branco estão ligadas à depressão • We Love

Estudo aponta que fotos em preto e branco estão ligadas à depressão

Instagram

Você vê aquele pôr do sol maravilhoso e instintivamente decide fotografar o cenário. Navega por alguns filtros no Instagram e no final opta pelo clássico black and white. Seria isso um sinal de depressão? Aparentemente, sim. Pelo menos é isso que um grupo de pesquisadores da Universidade de Harvard concluiu em um estudo publicado recentemente no arXiv.

A pesquisa foi conduzida com 166 indivíduos que tiveram suas contas “confiscadas” para análise das publicações. Seis critérios foram criados para avaliar as fotos: número de pessoas, filtros, cor, brilho, comentários e curtidas.

Depois de estudar os quesitos acima os pesquisadores puderam perceber algumas tendências, entre elas a que a maior parte das pessoas que aplicavam o filtro Inkwell (preto e branco) sofria de depressão. Além disso, os indivíduos que se enquadravam nessa categoria costumavam publicar fotos desfocadas e com pouca iluminação.

Os outros perfis estudados, por outro lado, optavam por filtros como Valencia, que dão brilho e garantem ainda mais luz à fotografia. Nessas categorias, as pessoas postavam com menos frequência e recebiam um número menor de comentários.

Já outros estudos apontam que o uso frequente de apps no smartphone pode ser um indicador de depressão. Será que procede?

LEIA TAMBÉM: PARA SER MAIS FELIZ, FOQUE NO QUE VOCÊ PODE CONTROLAR

Coletivo WeLove

Coletivo WeLove

O Coletivo WeLove foi fundado para ser um espaço livre para a exposição de ideias e troca de inspiração entre pessoas interessantes e interessadas. Acreditamos que falta conversa boa, ouvir além de falar e assinar embaixo quando escrevemos – ou dizemos – algo.
Coletivo WeLove

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *