Festival Internacional de Literatura reúne nomes consagrados em Santos • We Love

Festival Internacional de Literatura reúne nomes consagrados em Santos

Tarrafa Literária | Foto: Sabrina Cavicchia

Entre os dias 21 e 25 de setembro, o Teatro Guarany e a unidade santista do SESC abrem as portas para a realização da oitava edição da Tarrafa Literária, evento anual idealizado e organizado pela Editora Realejo.

O maior festival literário do Estado de São Paulo (quase uma versão paulista da Flip) chega a sua oitava edição sempre fiel a proposta: evidenciar a literatura e conquistar novos leitores, aproximando-os de escritores de relevância nacional e internacional.

O espetáculo Solidão no Fundo da Agulha dá início a cinco dias recheados de debate e atrações nacionais e internacionais. Dentre os temas abordados, destacam-se questões que giram em torno de universos como sexo e sexualidade. No dia 23, a cartunista Laerte e Amara Moira, uma travesti doutorada e prostituta, discorrem sobre transgênero sob mediação do escritor Arthur Veríssimo.

O holandês Arnon Grunberg, o mexicano David Toscana e o angolano Pepetela encabeçam o painel internacional debatendo a cerca de gêneros literários.

Confira a agenda completa:

22/9, quinta-feira:

Tema: “Antes da estreia, quase autor”
Às 17 h
Com Maria Valéria Rezende e Estevão Azevedo
Mediação de Vanessa Ferrari
Os convidados falarão sobre a caminhada de novos autores até tornarem-se famosos, a rejeição de editoras e exposição em livrarias.

Tema: “O prato do dia, a crônica”
Às 19 h
Com Gregório Duvivier e Marina Moraes
Mediação de Juliana Araripe
A temática discorre sobre a criação literária de gênero crônica, bem como as experiências de concepção textual dos convidados  

23/9, sexta-feira:

Tema: “A minha vida é um livro aberto”
Às 17 h
Com Laerte e Amara Moira
Mediação de Arthur Veríssimo
Tendo a sexualidade como assunto principal da mesa, os convidados deverão falar sobre os paradigmas e a passagem de experiências pessoas em literatura.  

Tema: “Poesia das Ruas”, recital de Sérgio Vaz 
Às 18h30
Com Sérgio Vaz
Sarau com poesias do autor

Tema: “Dois países, uma língua”
Às 19 h
Com Pepetela e Julián Fuks
Mediação de Rodrigo Savazoni
Ambos romancistas falarão sobre a influência local e problematizações sociais na criação literária. Pepetela é um dos maiores escritores angolanos, que descreve o cenário de seu país em suas obras; Julián Fuks, por sua vez, com a obra A Resistência, conta a história de sua própria família: seus pais argentinos vieram ao Brasil exilados, em plena Guerra Suja, com um bebê adotado.  

24/9, sábado:

Tema: “Bola de Papel”
Às 15h
Com Sergio Rodrigues e Michel Laub
Mediação de Jorge Oliveira
Os convidados são autores ficcionais que em algum momento de suas obras escreveram sobre futebol. Eles falarão sobre a influência do esporte na literatura.

Tema: “Parem as Máquinas!”
Às 17 h
Com Paulo Henrique Amorim e Mino Carta
Mediação de Renato Rovai
A mesa discorre sobre a história dos dois jornalistas e faz uma reflexão sobre a imprensa, além de abordar a crise política. 

Tema: “Encontro com David Toscana”
Às 19 h
Com David Toscana
Mediação de Manoel Herzog
Escritor contemporâneo mexicano fala de sua trajetória.  

25/9, domingo:

Tema: Leitura com Autores Internacionais @ SESC Santos
Às 14 h
Com Pepetela, Arnon e Toscana
Escritores indicam e conversam sobre literatura, em diferentes gêneros.

Tema: “Ménage à trois”
Às 15 h
Com Eliane Robert Moraes e Reinaldo Moraes
Mediação de Paulo Ludmer
Especialista em obras eróticas, o escritor  é visto como “marginal” por abordar o sexo em algumas obras. 

Tema: “Encontro com Arnon Grunberg”
Às 17 h
Com Arnon Grunberg
Mediação de Gustavo Klein
Escritor holandês fala de sua trajetória.  

Tema: “Um belo Brasil”
Às 19 h
Com Eduardo Giannetti e Antônio Pedro Tota
Mediação de Matthew Shirts
Convidados falam do comportamento brasileiro sob uma perspectiva positiva para o futuro do país. 

Coletivo WeLove

Coletivo WeLove

O Coletivo WeLove foi fundado para ser um espaço livre para a exposição de ideias e troca de inspiração entre pessoas interessantes e interessadas. Acreditamos que falta conversa boa, ouvir além de falar e assinar embaixo quando escrevemos – ou dizemos – algo.
Coletivo WeLove

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *