Posted on

*pode conter spoilers

A última novidade da Netflix foi o seriado Girlboss – disponibilizado no último dia 21/4. Diferente da tão (ainda) comentada 13 Reasons Why, Girlboss passou meio despercebida. Sem muito alarde, por tratar de um tema leve e porque falar sobre moda é meio bobo, não é? Não é.

Falar sobre moda é falar sobre liberdade de expressão. É falar sobre criar sonhos e poder vivê-los. É falar sobre se reinventar e se permitir o que é novo. É falar sobre feminismo e lutar por igualdade nessa sociedade – ainda – machista que vivemos. Porque moda analisa e descreve comportamentos, ela empodera.

O seriado conta a história de Sophia, uma garota que se recusa a virar um “adulto chato”, vive pulando de emprego e acaba criando um comércio de roupa – surge no eBay, mas acaba virando uma loja online e chegando a ter dois pontos físicos em Los Angeles – que se tornou um fenômeno em 7 anos. A Nasty Gal (real) declarou falência no final de 2016.

A grande sacada – se é que é possível dizer isso – do seriado é mostrar que falhar é ok, desde que você não desanime. Todos estão fadados a falhas e precisam continuar recomeçando. O discurso #girlpower, que se propõe a mostrar, funciona pra mim. Porque ilustra as dificuldades que mulheres se deparam apenas por serem “mulheres” e consigo relacionar a moda como um instrumento de empoderamento. A moda proporciona a liberdade que Sophia tanto busca. E, por fim, eu não poderia deixar de citar a referência a The OC <3, haha. Que maravilhoso!

Girlboss nos mostra que toda garota tem o direito de ser o que quiser e que tudo bem, se você falhar. Pode não ser fácil, mas você precisa continuar seguindo em frente e não desistir dos seus sonhos. Mesmo que as outras pessoas não acreditem em você. Porque yes, we can!

Bruna Guimarães

Jornalista & fashion lover. Made in Aracaju, living in São Paulo. Acredita que o amor é sempre destino e glitter, uma segunda pele. Louca por carnaval e mar e sorrisos e pessoas interessantes.
Bruna Guimarães

Últimos posts por Bruna Guimarães (exibir todos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *